Mulher Mãe Antropozoorfa

Kunstenaar:

Herkomst:

Vale do Jequitinhonha-Minas Gerais

Materiaal:

Terracotta

Afmetingen (CM):

36 x 17 x 13

VG nummer:

VG-CER-0024

A obra da artesã Eva Caraí destaca a interpretação e evidência uma ligação entre o ser animado e o inanimado, como se um fosse o prolongamento do outro, ou seja, na peça antropomorfa ou zoomorfa, se dá, literal e metaforicamente a integração de dois seres. Nota-se através da simbologia das peças de cerâmica que a artesã, talvez inconscientemente, busca permanecer ligada à natureza. o processo de criação se inicia por meio de torrões de barros reduzidos a pó com a utilização de moinho (gangorro), após se faz a modelagem com a técnica do acordelado (sobreposição de cordões de argila em espiral que são cuidadosamente unidos uns aos outros com o auxílio dos dedos) e alisados com um sabugo de milho. Na fase da pintura, as peças são coloridas com as diversas cores naturais do barro. por fim, após a secagem, as peças são levadas ao formo a lenha e queimadas por 8 ou 12 horas, sendo necessário o mesmo tempo para esfriarem.

*A cerâmica popular artesanal do Vale do Jequitinhonha é conhecida nacional e internacionalmente. Reconhecida pelo Iphan – Instituto Nacional do Patrimônio Histórico e Cultural do Brasil.

  • Instagram
  • Facebook
  • Pinterest

© 2020 by Michel De Ryck created with Wix.com